Por que alguns atletas lutam em competição

Escrito por Calvin Sun

Você já notou que alguns atletas fazem um ótimo treinamento e prática, mas parecem bloqueados na competição? Talvez você tenha experimentado isto pessoalmente como um atleta; uma habilidade que você pode desempenhar todas as vezes na prática cai por terra no ambiente da competição, ou talvez o seu desempenho seja inferior comparado ao que você faz no treino. Se o caso for esse, é muito provável que você tenha se esforçado para controlar a sua ansiedade.

Controlar a sua ansiedade antes dos principais eventos é um equilíbrio delicado; os melhores atletas não podem estar nem muito excitados nem muito serenos antes de entrar na arena da competição. Estados otimizados de ansiedade são essenciais para atletas que buscam desempenhar seu potencial ao máximo.

Não faltam fatores de estresse na competição – o ruído da multidão, o treinador gritando com você nas laterais e os juízes esperando você cometer um erro são alguns dos mais comuns que nós testemunhamos como treinadores de CrossFit. Situações estressantes tendem a provocar reações emocionais como medo, ansiedade, raiva e outras mentalidades negativas. Elas também tendem a provocar sintomas fisiológicos como frios na barriga, batimento cardíaco acelerado, tremor nas mãos e pupilas dilatadas. Todas estas reações são normais do sistema nervoso autônomo. O problema é quando o nível de excitamento é muito elevado. Descontrolado, a resposta de excitamento pode afetar negativamente habilidades como raciocínio crítico, tomada de decisão e habilidades motoras finas. Obviamente, todas estas habilidades são muito importantes para um atleta no treino e na competição.

Alguns atletas podem ter um desempenho perfeito independente do ambiente. Estes tendem também a ser os mesmos atletas que você encontra no topo do placar de liderança em qualquer categoria.

O que separa os melhores atletas dos outros?

Os atletas de alto desempenho dominaram o controle de seu estado emocional. Eles sabem controlar seu nível de excitamento de modo que eles raramente experimentam a ansiedade, o estresse e o medo que impedem o desempenho de outros atletas que, em um nível físico, são igualmente capazes e talentosos.

Em 1908, os psicólogos Robert M. Yerkes e John Dodson estabeleceram uma relação empírica entre o excitamento e o desempenho que é conhecido agora como Lei Yerkes-Dodson. Simplesmente, excitação demais ou muito pouca resulta em fraco desempenho. Muito pouca excitação resulta no atleta muito relaxado ou descontraído. Excitação demais resulta no atleta ansioso, apavorado ou estressado. O nível ideal é bem no meio onde o atleta está “na zona”.

O nível ideal também varia conforme a habilidade

Diferentes habilidades requerem níveis variados de excitação para o desempenho ideal. Se o movimento for complexo e exigir habilidade motora fina, o nível de excitação ideal será mais baixo comparado a uma habilidade motora grossa que é relativamente simples. Por exemplo, executar uma subida na argola não exige que você esteja “empolgado” da mesma forma que você estaria para uma série com o máximo de repetições de levantamento terra.

O que funciona para o treino do seu colega pode não funcionar para você

Os níveis ideais de excitação também podem variar entre atletas. É por isso que um atleta pode preferir se aquecer escutando música clássica, enquanto outro prefere musica rock. Por estas mesmas razões, um atleta pode preferir a energia frenética da competição enquanto outro se sente muito estimulado e tem um fraco desempenho. Felizmente, há formas de controlar o seu nível de excitação para otimizar o seu desempenho.

Em nosso livro, “The Invictus Mindset: An Athlete’s Guide To Mental Toughness”, discutimos controle excitação, bem como os outros pilares da determinação mental. Nós fornecemos algumas técnicas simples que você pode implementar para otimizar seu nível de excitação e atingir o máximo desempenho.

Em 16 de Junho, a versão em Português do “A Mentalidade Invictus: Guia De Determinação Mental Para Atletas” estará disponível para compra no nosso site. Obrigado pela leitura!

  • G_29
  • G_30
  • G_31
  • H_11
  • H_12
  • H_13
  • H_14
  • H_15
  • H_16
  • H_17
  • H_18
  • H_19
  • H_20
  • H_21
  • H_22
  • H_23
  • H_24
  • H_25
  • H_26
  • H_27
  • H_28
  • H_29
  • H_30
  • I_14
  • I_15
  • I_16
  • I_17
  • I_18
  • I_19
  • I_20
  • I_21
  • I_22
  • I_23
  • I_24
  • I_25
  • I_26
  • I_29
  • I_30
  • J_05
  • J_06
  • J_07
  • J_08
  • J_09
  • J_10
  • J_11
  • J_12
  • J_13
  • J_14
  • J_15
  • J_16
  • J_17
  • J_18
  • J_19
  • J_20
  • J_21
  • J_22
  • J_23
  • J_24
  • J_25
  • J_26
  • K_00
  • K_01
  • K_02
  • K_03
  • K_04
  • K_05
  • K_06
  • K_07
  • K_08
  • K_09
  • K_10
  • K_11
  • K_12
  • K_13
  • K_14
  • K_15
  • K_16
  • K_17
  • L_01
  • L_02
  • L_03
  • L_04
  • L_05
  • L_06
  • L_07
  • L_08
  • L_09
  • L_10
  • L_11
  • L_12
  • L_13
  • L_14
  • L_15
  • L_16
  • L_17
  • L_18
  • L_19
  • L_20
  • Wodify
  • Wodify
  • Helios Fleury